O último Aventador a ser produzido pela Lamborghini será o LP 780-4 Ultimae

  • Redação Autoportal
  • 16 jul, 09:25

Está disponível nas variantes roadster e coupé, numa edição limitada e numerada de 600 unidades, com motor 6.5 V12 de 780 cv

Ultimae é o nome escolhido pela Lamborghini para a derradeira edição do seu Aventador, acabada de dar a conhecer no Festival de Velocidade de Goodwood. O Aventador LP 780-4 Ultimae, na sua designação completa, será o último daquele modelo a ser produzido pelo construtor italiano e em apenas 600 unidades. Terá duas versões: roadster e coupé.

Veja aqui outras estrelas em Goodwood

Em grande apoteose, é como a Lamborghini pretende celebrar o fim da produção do Aventador. Daí desenvolveu este Ultimae, o qual pretende reunir, numa só, o melhor das diferentes versões do Aventador: “a performance do SVJ e a elegância sofisticada do Aventador S”, como refere a própria marca.

PUB

O LP 780-4 Ultimae é um verdadeiro superdesportivo e concentra um conjunto de atributos capaz de deixar os amantes de automóveis totalmente rendidos. A começar pelo motor V12 atmosférico de 6,5 litros que monta longitudinalmente, capaz de debitar 780 cv às quatro rodas motrizes e com um binário máximo de 720 Nm às 6750 rpm. São mais 40 cv de potência face ao Aventador S e mais 10 cv face ao SVJ.

PUB
A coisa mais parva para fazer a um Lamborghini

Como seria de esperar, o Ultimae apresenta prestações dignas de nota. São 2,8 segundos dos 0 aos 100 Km/h; 8,7 segundos dos 0 aos 200 Km/h e uma velocidade máxima de 355 Km/h. Para tal, muito contribui o seu baixo peso – 1550 kg – conseguido através do amplo uso da fibra de carbono, bem como o uso de mecanismos como a abertura de válvulas variável (VVT) ou os diferentes acertos dos apoios aerodinâmicos.

PUB

Relativamente à dinâmica, o novo Lamborghini foi concebido para transmitir ao condutor, em todos os momentos, o que esperar do seu comportamento. A tração às quatro rodas permanente, as entradas de ar na dianteira, os três diferentes acertos da asa traseira e a caixa robotizada de sete velocidades asseguram um comportamento agressivo, como é de esperar num automóvel com estas características, mas previsível e preciso, assegura o construtor italiano.

Já viu o vídeo do Huracán SuperTrofeo?

Quanto à estética, os futuros donos de um dos 350 exemplares da versão coupé ou 250 da versão roadster em comercialização, poderão contar com múltiplas opções. Desde logo as 18 cores base disponíveis, podendo ir a mais de 300 (!) cores possíveis de escolher através do programa de personalização Lamborghini. Tal como foi apresentado em Goodwwod, o Aventador LP 780-4 Ultimae surge em dois tons de cinzento, com apontamentos a vermelho nas entradas de ar dianteiras e nos difusores posteriores. O interior combina a pele com a alcantara.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Lamborghini está empenhada em atingir a neutralidade carbónica na produção

Vídeo e galeria: Lamborghini Huracán Evo de novo como viatura "Follow Me"

A Lamborghini tem a produção de 2021 praticamente toda vendida

LEGO constrói Lamborghini Sián FKP37, em tamanho real, com 400 mil peças

Este é o Lamborghini Huracán mais radical que já vimos

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS