Jaguar I-Pace completa o EVeresting Challenge só com uma carga

  • 23 jun, 11:00

Desafio de mobilidade sustentável em montanha icónica em Inglaterra com a campeã olímpica britânica Elinor Barker

Já ouviu falar de Everesting? O conceito é simples, embora difícil de executar. Um ciclista tem que completar uma série de escaladas e descidas por uma estrada de montanha até obter um saldo elevação da ordem dos 8.848 metros.

Esta é a altura do Monte Everest daí a alcunha. Isto, apesar de não ser acessível de bicicleta, mas o desafio em si, esse já entrou para os “objetivos” de cada entusiasta.

PUB
Elinor Barkern, campeã olímpica de ciclismo

Esta prática de “Everesting” ganhou notoriedade durante o confinamento em todo o mundo. Isto porque vários ciclistas viram-se “obrigados” a praticar o seu desporto favorito muitas vezes sem poderem sair do seu concelho, cidade ou, na melhor das hipóteses, podendo apenas ir até uma montanha próxima. Daí o desafio.

Agora imagine o mesmo desafio cumprido por um ciclista profissional, mas… sem bicicleta. Foi o que a Jaguar propôs à campeã mundial e medalhada olímpica Elinor Barker, ela própria assumida fã deste treino de resistência.

Um Jaguar I-Pace, previamente preparado pelo engenheiro-chefe da marca Jack Lambert, foi o modelo usado pela atleta britânica para cumprir este “EV-Everesting”, ou seja, cumprido por um veículo 100% elétrico.

PUB
Descubra aqui tudo sobre o I-Pace

O local escolhido foi Great Dun Fell, não propriamente um dos locais das famosas escaladas dos Alpes da volta à França, mas local igualmente icónico do ciclismo britânico que o apelidam de “Britain’s Mount Ventoux” numa analogia ao monte do mesmo nome alpino. Na verdade, este, em Inglaterra sobe apenas 547 metros de altitude, com um gradiente de 20 por cento, até aos 848 metros.

PUB

Elinor completou 16,2 repetições da distância de 5,8 km de subida (num total de 11,6 km por “loop”) utilizando a energia de travagem regenerativa para gerar aproximadamente 60 por cento de energia adicional no total das 16 descidas (recuperou o equivalente a 93,3 km de energia).

Continuar a ler

RELACIONADOS

Jaguar torna-se numa marca 100% elétrica a partir de 2025

Jaguar assinala 70 anos do C-Type com edição especial

Jaguar revela a edição exclusiva de aniversário do E-Type

COMPUTADOR DE BORDO

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

Atenção às datas de revalidação de carta de condução. Faça tudo online e poupe 10%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS