Novo Nissan Qashqai estreia motorização híbrida inovadora na Europa

  • Redação Autoportal
  • 15 jan, 15:52
Manuel Luís Goucha e Vasco Palmeirim
Nova geração do Nissan Qashqai

Terceira geração do SUV urbano da Nissan vai ser apresentado na primavera

A Nissan revelou que a próxima geração do Qashqai, vai chegar equipada com tecnologia mild-hybrid, ePower Hybrid, que vai fazer a sua estreia na Europa.

O sistema e-POWER do novo Qashqai foi especialmente desenvolvido para o modelo de modo a satisfazer as rigorosas exigências dos condutores europeus, não só oferecendo um elevado nível de eficiência de combustível e emissões de CO2 reduzidas, mas também uma aceleração forte e reativa.

Ao contrário do que aconteceu no Japão, onde o novo sistema ePower Hybrid é utilizado com um motor de 1.2 litros, para o mercado europeu a Nissan escolheu o bloco de 1.5 litros a gasolina para receber a nova tecnologia.

Na Europa é utilizado um motor a gasolina de 1.5 litros, com uma potência final de 140kW (190 cv).

O elemento único do e-Power é o facto de o motor a gasolina ser utilizado apenas para gerar eletricidade, enquanto as rodas são exclusivamente acionadas pelo motor elétrico.

Tal permite que o motor a gasolina funcione sempre com autonomia ideal, resultando em eficiência de combustível superior e emissões de CO2 mais baixas em comparação com um motor de combustão interna tradicional.

A motorização e-Power do novo Qashqai possui três modos de condução: Standard, Sport e Eco. No modo Standard, o automóvel produz aceleração excelente e a regeneração é melhorada para simular a travagem do motor de um automóvel a gasolina convencional.

Já no modo Sport, o automóvel melhora ainda mais a resposta de aceleração com tempos de desativação do motor reduzidos, principalmente em cenários de condução desportiva.

Por seu lado no modo Eco, o automóvel entra em modo de poupança de combustível otimizando a gestão da bateria e permitindo que o condutor selecione um modelo de velocidade de cruzeiro para condução económica em autoestrada. Em todos os modos, é possível selecionar um modo B adicional que aumenta a recuperação de energia na travagem, permitindo abrandar o automóvel de forma mais eficiente sem utilizar o pedal do travão travagem.

A Nissan revelou ainda que novo Qashqai com e-Power não só acelera mais rapidamente do que os rivais híbridos, como também o faz com menor rotação do motor.

Para além do bloco 1.5 litros, equipado com a tecnologia ePower, o novo Qashqai vai chegar com o conhecido motor 1.3 litros DiG-T a gasolina com sistema mild-hybrid de 12 V.

Trata-se de uma tecnologia híbrida mais acessível que proporciona assistência ao binário, uma paragem ao 'ralenti' alargada, reinício rápido e desaceleração assistida, com melhorias na economia de combustível e nas emissões de CO2.

A Nissan revelou que o bloco que estreou no Qashqai em 2018, foi melhorado para a terceira geração do SUV da marca nipónica com 50 componentes recentemente concebidos e em total conformidade com a norma Euro 6-d.

Com mais de três milhões de unidades vendidas na Europa, a nova geração do Qashqai está na fase final dos testes, antes da sua apresentação que está prevista para a primavera de 2021.

RELACIONADOS

Nissan mostra o interior do novo Qashqai que ganha mais espaço e muita tecnologia

Novo Nissan Qashqai chega em 2021 e estreia novo motor híbrido

N-Tec é a edição especial do Qashqai que aposta no design e na tecnologia

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS