Mercedes expande a gama de modelos elétricos com a versão SUV do EQS

  • Redação Autoportal
  • 25 abr, 15:00

Com a mesma gama de motorizações da berlina, o EQS SUV não só tem um visual mais familiar como dá para sete

Seguindo o plano de expandir a sua família de modelos 100% elétricos, a Mercedes começa agora a apostar em formatos diferentes nas mesmas gamas, além dos novos modelos. E por isso, a gama EQS inclui agora uma versão SUV, que partilha as mesmas motorizações e muitos dos componentes com o modelo de que deriva, mas com um visual muito mais familiar.

Um dos principais é a plataforma a partir do qual é construído. Também conta com a distância entre eixos acima dos 3,2 metros, mas oferece uma distância ao solo superior em cerca de 20 centímetros. Quanto à carroçaria, são praticamente 5,13 metros de comprimento e 1,96 de largura, com a altura a ficar quase em 1,72 metros.

PUB

Em termos de imagem, os elementos que têm caracterizado os modelos da família EQ estão quase todos presentes, tais como o enorme painel dianteiro de cor negra e a faixa traseira em LED que compõe o sistema de iluminação. Mas com a versão SUV, as proporções até parecem mais corretas e uniformes, o que se traduz numa estética bem mais apelativa.

PUB

A grande vantagem do tamanho, no entanto, está mesmo presente a bordo, com uma lotação que pode chegar aos sete lugares. Na frente é o MBUX Hyperscreen que capta a maior dose de atenção, com as suas dimensões inacreditáveis, compostas por três monitores e lá atrás, há novas soluções multimédia com monitores instalados nas costas dos assentos da frente para que as viagens mais longas se tornem ainda mais interessantes. E claro que não poderia faltar um enorme teto panorâmico.

Do lado da inovação mais digital, o novo EQS SUV inclui um interessante sistema de realidade aumentada que consegue projetar imagens no para-brisas com o objetivo de o ajudar a receber as instruções de navegação. Ocupam uma diagonal de imagem de 77 polegadas, mas foram pensadas para dar a ilusão de que estão a cerca de dez metros de distância.

PUB

No que diz respeito aos sistemas de propulsão, a gama EQS SUV é muito semelhante à do EQS que já conhecíamos. Começa com a versão 450+ de tração traseira e 360 cavalos de potência e continua com a 450 4Matic, com o mesmo patamar de potência, mas com quatro rodas motrizes. No topo da oferta está a versão 580 4Matic, também com tração às quatro rodas, mas com uma potência total de 544 cavalos e um binário máximo 858 Nm.

PUB

A presença do sistema 4Matic nestas versões de motor elétrico acaba por ser muito mais responsiva do que nas versões equipadas com um sistema de tração integral mecânico, uma vez que o binário que é transmitido às rodas pelas duas motorizações é verificado cerca de dez mil vezes por minuto e ajustado caso seja necessário.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Mercedes-Maybach apresenta o S680 criado em conjunto com Virgil Abloh

Mercedes apresenta um novo conjunto de Art Cars

Mercedes SL renasce como AMG a partir dos 210 mil euros

Mercedes anuncia preços para o 100% elétrico EQE

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS