Toyota retoma viagens autónomas do e-Palette nos Jogos de Tóquio após colisão com atleta

  • Redação Autoportal
  • 30 ago, 17:53

Acidente aconteceu na quinta-feira e viagens são retomadas na terça com reforço dos procedimentos de segurança

A Toyota anunciou que o seu veículo elétrico autónomo e-Palette vai voltar a circular na Aldeia Olímpica a partir desta terça-feira após uma colisão com um peão que tinha deixado as viagens por este meio de transporte suspensas.

O acidente nos Jogos Paralímpicos Tóquio 2020 que decorrem no Japão tinha acontecido na passada quinta-feira quando um e-Pallete chocou com um atleta com deficiência visual num cruzamento.

PUB

A Toyota explica em comunicado que os sensores do e-Palette detetaram a presença de um peão no cruzamento e que os travões automáticos foram ativados, bem como também foram acionados pelo operador humano do veículo autónomo que vai no seu interior. Mas o veículo não parou totalmente a tempo de se conseguir evitar o choque num local com apenas dois guias presentes.

A agência Reuters informa que o atleta Aramitsu Kitazono não sofreu ferimentos graves, mas que alguns cortes e hematomas resultantes acabaram por deixar o judoca fora da competição olímpica.

Toyota e-Palette apoia a mobilidade autónoma dos Jogos
PUB

Na sua comunicação, a Toyota frisa que o retomar das viagens do e-Palette vai fazer-se com o aumento de medidas de segurança definidas em conjunto com o Comité Organizador dos Jogos, desde logo com mais veemência para as regras a serem adotadas pelos peões na circulação pela Aldeia Olímpica, como pelo reforço dos sistemas do veículo autónomo e das estruturas de apoio com uma base de atualização diária.

Nas alterações ao e-Palette contam-se um maior controlo sobre a velocidade de circulação, desaceleração e travagem por parte da intervenção humana na condução autónoma que passa a ter agora dois operadores por veículo em vez de um, bem como será aumentado volume do aviso sonoro de aproximação do veículo.

PUB

Assim como os peões, também os assistentes terão a sua formação reforçada para responder às necessidades daqueles, como no estabelecimento de um sistema que substitua sinalização para guiar de forma segura peões e veículos com um grupo de guias específico para cada e aumentando o número destes nos cruzamentos dos atuais seis para 20.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Toyota e-Palette vai apoiar a mobilidade dos Jogos Olímpicos

Apesar da pandemia, Toyota regista recorde de lucros

Toyota com dobradinha nas 24h de Le Mans e Alpine fecha o pódio

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS