Covid-19: Autoeuropa prolonga `layoff´ até 17 de julho com salários na íntegra

  • Redação Autoportal
  • 22 jun 2020, 13:30
Manuel Luís Goucha e Vasco Palmeirim

Este deverá ser o último período de 'layoff' após a retoma da atividade na fábrica de Palmela

A administração da Volkswagen Autoeuropa prolongou o recurso ao `layoff´ até 17 de julho, mas os trabalhadores vão receber os salários na íntegra.

Em comunicado interno, a que a agência Lusa teve acesso, a Comissão de Trabalhadores (CT) informa que, face à intenção da empresa em prolongar o recurso a um terceiro período de 'layoff', de 19 de junho a 17 de julho, “defendeu que deveriam ser mantidas as condições atuais de complemento dos salários”.

De acordo com a CT, essa proposta já foi aceite pela administração da fábrica, pelo que todos os abrangidos – cerca de mil trabalhadores do turno do fim de semana – vão receber os salários na íntegra.

Fonte da CT adiantou também à Lusa que este novo período de recurso ao `layoff´ na fábrica de automóveis de Palmela deverá ser o último; uma vez que os trabalhadores iniciam o período de férias imediatamente a seguir: de 22 de julho a 16 de agosto.

A Volkswagen decidiu suspender a produção na fábrica de automóveis da Autoeuropa devido à pandemia da covid-19 no dia 17 de março tendo retomado a atividade a 27 de abril.

RELACIONADOS

Autoeuropa quer Portugal a produzir mais Volkswagen do que a Alemanha

Autoeuropa já retomou atividade nesta 2ª feira de forma gradual

COMPUTADOR DE BORDO

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

Largue o telemóvel: conheça as alterações ao Código da Estrada

VEJA MAIS

MAIS LIDAS