Brisa já tem os primeiros postos de carregamento ultrarrápido em autoestrada

  • Redação Autoportal
  • 25 abr, 16:00
Via Verde Electric
Via Verde Electric

Via Verde Electric já está em funcionamento com postos de 350 kW

A Brisa, a Ionity e a Cepsa inauguraram nesta semana a rede de carregamento elétrico Via Verde Electric instalando os primeiros quatro postos ultrarrápidos numa autoestrada nacional.

Os primeiros quatros postos de carregamento ultrarrápido, com uma potência de 350 kW, estão instalados nas áreas de serviço de Almodôvar, no quilómetro 193 da A2, nos sentidos Algarve-Lisboa e Lisboa-Algarve.

PUB

Os carregadores da Ionity “são compostos por tomadas do modelo standard europeu (Combined Charging System), utilizado pelos carros elétricos atuais e futuros” e estão “disponíveis 24 horas por dia”.

Em comunicado conjunto sobre a inauguração da rede Via Verde Electric, é adiantado que a parceria entre a Brisa, a Ionity e a Cepsa prevê a instalação de “doze postos de carregamento ultrarrápido nas áreas de serviço de Barcelos, na A3, de Estremoz, na A6, ambos em maio, e em Leiria, na A1, em julho”.

A Brisa destaca também que “até ao verão de 2021 será possível atravessar Portugal, de norte a sul, sem emissões de carbono com a rede Via Verde Electric, que vai contar com 82 postos de carregamento elétrico em 40 áreas de serviço, com soluções de carga rápida (de 50 kW) e ultrarrápida (de 150 kW a 350 kW)”.

PUB

A aliança entre a Ionity e a Cepsa na mobilidade elétrica vai também “permitir atravessar as fronteiras de Portugal e Espanha num carro elétrico” com a cobertura das “principais estradas urbanas portuguesas e espanholas, assim como as ligações rodoviárias ao continente europeu, com postos de carregamento ultrarrápido localizados em pontos estratégicos nos principais corredores peninsulares”.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

Preço da gasolina vai descer ligeiramente já nos próximos dias

A pensar na sustentabilidade a Mercedes criou na Nazaré o EQ Lounge

Mais impostos a caminho: governo acaba com isenção de ISV para carrinhas comerciais

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS