Renovado Tiguan taz versão R e inédito híbrido plug-in

  • Redação Autoportal
  • 1 jul 2020, 09:23

Nova geração do Tiguan chega com visual apelativo

A Volkswagen revelou agora a terceira geração do seu SUV Tiguan, que deverá chegar ao mercado no próximo outono.

O modelo de maior sucesso da marca em 2019, com mais de 910 mil unidades produzidas, superando mesmo os números do Golf, sofreu um ‘facelift’ completo e passa a contar com um inédito bloco híbrido e uma versão R com 320 cv.

Em matéria de design, o novo Tiguan recebeu algumas alterações, passando a contar com uma assinatura ótica em LED de série, um novo para-choques dianteiro que apresenta generosas entradas de ar, uma grelha de maior dimensão que liga a uma faixa cromada colocada acima dos faróis.

Já no que toca ao interior, a Volkswagen alinhou a nova geração do Tiguan com os modelos mais recentes da marca e dotou o seu SUV de um novo sistema de infoentretenimento e ecrãs maiores e sensíveis ao toque.

Para além disso o sistema de infoentretenimento MIB3 da Volkswagen, dispõe de um ecrã central que está disponível nos tamanhos 6,5, 8,0 ou 9,2 polegadas e conta com o Apple CarPlay sem fios, juntamente com o sistema We Connect da Volkswagen, que inclui dados de tráfego em tempo real e um elevado número de funções baseadas em aplicativos, bem como portas USB-C iluminadas na console central.

Para além disso, o Tiguan está dotado de um painel de instrumentos digital de 10 polegadas

Ainda no interior, destaque para a nova iluminação ambiente multicolor e um novo sistema de som da Harman Kardon com 480W.

Nota ainda para o novo volante que possui controlos sensíveis ao toque e deslizantes no lugar dos botões.

No que toca aos sistemas de segurança e ajuda à condução, destaque para a inclusão de série dos sistemas Front Assist e Side Assist, para além dos opcionais cruise control adaptativo com função preditiva Travel Assist. 

Em matéria de motorizações o destaque vai para a inédita versão híbrida plug-in que combina um motor turbo a gasolina de 1.4 litros com 245 cv e um motor elétrico que permite uma autonomia máxima até 50 km em modo elétrico.

Segundo os dados da Volkswagen, o Tiguan eHybrid pode alcançar uma velocidade máxima até 130 km/h em modo totalmente elétrico.

Já a versão mais desportiva do novo Tiguan, com a assinatura R, conta com um bloco turbo de quatro cilindros de 2.0 litros a gasolina com 316 cv de potência.

A versão R dispõe ainda do sistema de tração total 4Motion, com gestão de binário por cada roda, o que confere ao Tiguan R um novo nível de dinâmica de condução, escape da Akrapovic e jantes de 21 polegadas.

Já as versões Diesel do renovado Tiguan incluem um sistema de dupla injeção de AdBlue com vista à redução de emissões de NOx.

A marca germânica não confirmou as especificações para a restante gama de motores, mas tendo em conta que a nova geração do SUV da Volkswagen tem como base a plataforma modular MQB, é de prever que venha a utilizar a mesma gama de motores do novo Golf.

RELACIONADOS

Novo Volkswagen Arteon chega com versão híbrida e estreia Shooting Brake

Volkswagen apresenta o Nivus que vai chegar à Europa

Volkswagen mostra a primeira imagem do novo Tiguan

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS