O Mercedes-AMG GT 63 S E Performance em todo o seu belo poder

A tecnologia híbrida está definitivamente a chegar também aos automóveis de elevadas prestações. A mais recente novidade pertence à Mercedes-AMG, que se prepara para colocar na linha de produção o seu novo GT 63 S E Performance, modelo que combina um motor V8 biturbo de 4 litros, com 639 cv, com uma unidade elétrica de 150 kW. Juntos produzem 843 cv de potência e um binário máximo superior a 1.400 Nm.

Este será, pois, o automóvel de produção em série da Mercedes-AMG mais potente de sempre, com a promessa de oferecer prestações capazes de colocar um sorriso no rosto de quem gosta de emoções fortes. A aceleração dos 0 aos 100 Km/h faz-se em 2,9 segundos; chega-se aos 200 Km/h em menos de 10 segundos; e a velocidade máxima é atingida aos 316 km/h.

VEJA MAIS

MAIS VISTAS