Testes F1: Carlos Sainz e a McLaren dominam em Barcelona

  • Redação Autoportal
Carlos Sainz (Reuters)
Carlos Sainz (Reuters)
Ferrari perdeu sessão de testes da tarde depois do acidente de Vettel com o SF90 durante a manhã

Carlos Sainz foi esta quarta-feira o piloto mais rápido dos testes de pré-temporada que estão a ter lugar no circuito de Barcelona.

O espanhol da McLaren rodou na sua melhor volta em 1m17,144s, tempo alcançado durante a sessão da manhã e acumulou 130 voltas aos comandos do novo MCL34.

A sessão da tarde decorreu sem grandes percalços e com os pilotos mais interessados em realizar simulações de corrida.

O segundo melhor tempo do dia foi assim alcançado por Sergio Perez (Racing Point) que terminou a 0,698s de Sainz, tendo utilizado pneus C4, os segundos mais macios da Pirreli, para realizar o seu melhor registo.

Sebastian Vettel (Ferrari) foi o terceiro mais rápido do dia, apesar de não ter rodado na sessão da tarde, depois do acidente a meio da manhã, onde o alemão acabou por danificar o novo SF90, o que levou a que Charles Leclerc, apenas realizasse uma volta ao circuito de Barcelona esta quarta-feira, já no final da sessão e não entrando por isso nas contas da classificação final.

A Scuderia explicou no final da sessão que o despiste de Vettel se deveu a um "problema mecânico" com o "canto esquerdo da frente" do carro e que a análise da situação ainda se mantinha.

A fechar o top cinco dos testes desta quarta-feira, Kimi Raikkonen (Alfa Romeo) que foi o quarto, depois de ter rodado na sua melhor volta em 1m18,219s, terminando na frente de Romain Grosjean (Hass) que foi quinto e que relegou Max Verstappen (Red Bull) para a sexta posição.

Nota ainda para a Mercedes, onde Valtteri Bottas e Lewis Hamilton partilharam o novo W10 terminando na oitava e nona posição respetivamente, com o finlandês a ser mais rápido que o campeão do mundo em apenas dois milésimos de segundo.

Resumo dos tempos desta quarta-feira:

  • TEMAS:
  • Fórmula 1

  • Carlos Sainz

  • McLaren

Veja mais