Equipa do Medical Car da F1 testa positivo à covid-19 e Bruno Correia vai ao GP da Turquia

  • Redação Autoportal
  • 7 out, 13:19
Medical Car Mercedes da F1 (Associated Press)
Medical Car Mercedes da F1 (Associated Press)

Piloto português que conduz o Safety Car da Formula E foi chamado pela FIA

O português Bruno Correia vai ser o condutor do Medical Car do GP da Turquia de Fórmula 1 deste fim de semana tendo a seu lado o médico Bruno Franceschini naquela que será a 16.ª prova da temporada.

A habitual dupla que ocupa o Medical Car da F1 composta pelo condutor Alan van der Merwe e pelo médico Ian Roberts testou positivo à covid-19 e já não viajou para Istambul estando atualmente em isolamento.

A FIA escolheu para substituir Van der Merwe o piloto português que conduz o Safety Car da Fórmula E desde 2014, depois de já ter desempenhado o mesmo papel nos campeonatos mundiais e europeus de Turismos.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Red Bull vai mudar o look no GP da Turquia de F1

Vídeo: equipa de F1 da Aston Martin mostra como trabalha o túnel de vento

F1: Aston Martin investe mil milhões com diretor da McLaren no primeiro título de Hamilton

GP da Rússia: Hamilton passa para a frente do Mundial com a vitória 100 na F1

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS