Chegar, vencer e ir embora: Mercedes sai da Formula E no final de 2022

  • Redação Autoportal
  • 18 ago, 19:12
Mercedes-EQ Formula E Team
Mercedes-EQ Formula E Team

Construtor poderá seguir os passos da Audi e BMW que irão deixar esta competição

Os novos campeões de 2021 da Formula E, a Mercedes-EQ, deverão deixar a competição depois de 2022, apenas 3 anos depois de ter presença oficial.

Esta revelação surgiu hoje, dia 18 de agosto, num comunicado do construtor que avança que a intenção “é realocar recursos para auxiliar no desenvolvimento de veículos elétricos”.

PUB

Markus Schäfer refere que “a Formula E permitiu à Mercedes-EQ demonstrar o seu conhecimento e capacidade técnica, mas que o futuro passará por continuar este progresso tecnológico – os conhecimentos de condução elétrica – para a Fórmula 1”

A Mercedes-EQ entrou primeiro com parceria com a HWA Racelab, na temporada 2019, depois em 2020 venceu a última corrida e sagrou-se agora esta temporada de 2021 (a segunda oficialmente presente) campeã por pilotos com Nyck De Vries e por equipas (ver aqui).

Em dezembro último a Audi e a BMW manifestaram intenção de também deixar a Fórmula E no final deste ano. A BMW poderá otimizar recursos para potenciar a sua participação no IMSA em 2023 (ver aqui). A Audi deverá apostar no Dakar (ver aqui) com o RS Q E-tron.

PUB
Continuar a ler

RELACIONADOS

António Félix da Costa falha renovação do título que este ano vai para Nyck De Vries da Mercedes EQ

Mini Electric Pacesetter o safety car da Fórmula E conduzido pelo português Bruno Correia

Mercedes anuncia plano (e datas) para se tornar marca exclusivamente elétrica

Novo sistema de carga flexível da Mercedes-Benz

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS